PASSEANDO_POR_PAULO_LEMINSKI_1382032601PNão, nós não estamos em 1968, mas o livro “Passeando por Paulo Leminski” foi proibido de ser publicado. Escrito pelo paranaense Domingos Pellegrini, vencedor de seis prêmios Jabuti e autor de mais de 30 obras, a obra não foi autorizada pela família do poeta Leminski.

O livro narra episódios que Domingos viveu com o amigo Paulo Leminski, de 1972 a 1989, quando o poeta curitibano morreu. Ele afirma que o resultado não se trata de uma biografia convencional, mas de memórias das vivências com o amigo. Sem autorização para lançá-lo, principalmente por falar de episódios importantes como a morte provocada por cirrose, resolveu disponibilizar o livro na internet, enviando e-mails com a seguinte mensagem:

Olá, sou Domingos Pellegrini e, enviando o livro em anexo, Passeando por Paulo Leminski, espero contribuir para que o Brasil não seja o país das biografias chapa-branca.

Em junho fui convidado pela Editora Nossa Cultura para escrever biografia de Leminski, de quem fui amigo. O editor me afirmou que fui escolhido de comum acordo por ele e pelas herdeiras de Leminski, com quem seriam divididos os direitos autorais e a quem os originais seriam submetidos.

Inicialmente aceitei, honrado, mas logo me dei conta de que a tarefa me privaria de duas condições essenciais para uma escrita criativa condizente com Leminski, a paixão e a liberdade. Além disso, já havia uma biografia sua, e eu teria ou de sugar informações dela ou buscar penosamente novas informações talvez não tão relevantes ou interessantes.

Assim, resolvi desistir da empreitada antes de assinar contrato – mas continuei a ter lembranças de Leminski, tantas que resolvi escrever não exatamente uma biografia, mas uma mistura de minhas memórias com ele e necessárias observações críticas.

Escrevi em poucas semanas, apaixonado, e a Editora Record se interessou em publicar – desde que com autorização das herdeiras, pois, sem isso, toda editora brasileira hoje teme ter prejuízo com a publicação embargada judicialmente.

Como as herdeiras negaram autorização, resolvi colocar o livro na internet, esperando honrar a memória e a obra de meu amigo.

E desde já autorizo que o livro seja reproduzido e divulgado de qualquer forma. Grato!,

Você pode baixar o livro através do link: Passeando por Paulo Leminski (4shared).

Deixe uma resposta